advrj@fadelgiordano.com.br Tel: +55 (21) 2262 4755

Liminar autoriza compensação de tributos antes do envio de declaração

A companhia de energia elétrica Light Sesa obteve na 28 ª Vara Federal do Rio de Janeiro uma liminar (processo nº 0007540-03.2018.4.02.5101) que a libera de realizar compensações com tributos pagos a mais sem a necessidade da entrega prévia da Escrituração Contábil Fiscal (ECF) à Receita Federal. O envio antecipado dessa obrigação acessória ao Fis […]

A companhia de energia elétrica Light Sesa obteve na 28 ª Vara Federal do Rio de Janeiro uma liminar (processo nº 0007540-03.2018.4.02.5101) que a libera de realizar compensações com tributos pagos a mais sem a necessidade da entrega prévia da Escrituração Contábil Fiscal (ECF) à Receita Federal. O envio antecipado dessa obrigação acessória ao Fis

Na ação, a empresa alegou ter apurado saldo negativo de Imposto de Renda e CSLL em 2017, pois tanto as antecipações mensais recolhidas como as retenções dos dois tributos superaram o valor devido e, portanto, geraram direito à compensação, conforme o artigo 6° da Lei 9.430/1996. A empresa pretendia apresentar os pedidos eletrônicos de restituição e declaração de compensação para, com parte do saldo negativo apurado, quitar débitos de tributos com vencimento até o fim de janeiro. Porém, diante da inviabilidade de apresentar a declaração contábil, cujo prazo final é 31 de julho, se viu impedida de utilizar o saldo negativo para quitar débitos de IRPJ, CSLL, PIS e Cofins.

(Fonte: http://www.valor.com.br)

< Voltar

notícias


PGFN regulamenta etapa de consolidação das modalidades de parcelamento e pagamento à vista da reabertura da Lei nº 11.941/09

por Fadel e Giordano - 20 de fevereiro de 2018

A Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) publicou a Portaria PGFN nº 31/2018, que disciplina o procedimento de consolidação de débitos para parcelamento e pagamento à vista com utilização de créditos de prejuízo fiscal ou de base de cálculo negativa da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL). A Portaria nº 31/2018 trata das modalidades previstas […]

Leia mais +

Empresas podem oferecer imóveis para pagar débitos tributários

por Fadel e Giordano - 20 de fevereiro de 2018

Contribuintes poderão oferecer à União bens imóveis para pagar débitos tributários inscritos em dívida ativa. Essa possibilidade, conhecida como “dação em pagamento”, foi regulamentada pela Portaria nº 32, da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN), que detalha em 11 artigos os procedimentos para esse tipo de operação. A dação está prevista na Lei n° 13.259, de […]

Leia mais +

Vítima de furto em condomínio deve ser indenizada por empresa de vigilância

por Fadel e Giordano - 20 de fevereiro de 2018

A empresa responsável pela segurança de um condomínio deve indenizar uma moradora que teve dinheiro e joias de valor sentimental furtados de seu apartamento. A indenização cobre os danos morais, no valor de R$ 50 mil, e os danos materiais correspondentes ao valor das peças furtadas. O crime aconteceu em julho de 2002, quando dois […]

Leia mais +

Justiça obriga Receita a analisar novamente pedido de contribuinte

por Fadel e Giordano - 20 de fevereiro de 2018

A Justiça Federal de Barueri (SP) determinou que a Receita Federal analise novamente o pedido de restituição de tributos de uma empresa, protocolado em 2001, sem a apresentação de documentos suplementares exigidos recentemente. A juíza Marilaine Almeida Santos, da 2ª Vara Federal de Barueri, entendeu que o contribuinte não é obrigado a guardar eternamente documentos, […]

Leia mais +

STF decide que regulamentação dos planos de saúde não atinge contratos celebrados antes da Lei 9.656/1998

por Fadel e Giordano - 8 de fevereiro de 2018

O Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) julgou parcialmente procedente a Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 1931, que questiona a Lei 9.656/1998 (Lei dos Planos de Saúde). Por unanimidade dos votos, a Corte considerou válida a maioria dos dispositivos, mas entendeu que os contratos celebrados antes da vigência da norma não podem ser atingidos pela […]

Leia mais +

Sistemas do TRF1 já estão preparados para a nova rotina de cadastramento de processos de acordo com a tabela de assuntos do Procin-Jud

por Fadel e Giordano - 31 de janeiro de 2018

Na tarde da última sexta-feira, dia 26 de janeiro, representantes da equipe responsável pelo desenvolvimento e implementação do programa estratégico Processamento Inteligente (Procin-Jud) promoveram um encontro com servidores de gabinetes do Tribunal. O objetivo do encontro foi apresentar a versão atualizada de rotinas relativas à tabela de assuntos e à nova estrutura das unidades que […]

Leia mais +

Decisão autoriza uso de créditos de PIS/Cofins de ativo imobilizado

por Fadel e Giordano - 30 de janeiro de 2018

Uma companhia conseguiu na Justiça Federal liminar para que a Receita Federal mantenha até a data de 31 de julho de 2017 a possibilidade de uso de créditos de PIS e Cofins de bens já integralizados ao ativo imobilizado. O benefício, até então permitido, foi proibido pelo Fisco com a Solução de Consulta Cosit nº […]

Leia mais +

Lei que permite bloqueio de bens de contribuintes inscritos em dívida ativa é objeto de ADI

por Fadel e Giordano - 30 de janeiro de 2018

O Partido Socialista Brasileiro (PSB) ajuizou a Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 5881, com pedido de liminar, no Supremo Tribunal Federal (STF), na qual contesta regra da Lei 13.606/2018 que trata da possibilidade de a Fazenda Pública averbar a certidão de dívida ativa nos órgãos de registro de bens e direitos sujeitos a arresto e […]

Leia mais +

Liminar autoriza compensação de tributos antes do envio de declaração

por Fadel e Giordano - 30 de janeiro de 2018

A companhia de energia elétrica Light Sesa obteve na 28 ª Vara Federal do Rio de Janeiro uma liminar (processo nº 0007540-03.2018.4.02.5101) que a libera de realizar compensações com tributos pagos a mais sem a necessidade da entrega prévia da Escrituração Contábil Fiscal (ECF) à Receita Federal. O envio antecipado dessa obrigação acessória ao Fis […]

Leia mais +

A situação do bem de família na ação de improbidade administrativa

por Fadel e Giordano - 30 de janeiro de 2018

O Superior tribunal de Justiça reconheceu a possibilidade de decretação de indisponibilidade do bem de família nos autos de ação de improbidade administrativa. Segundo o Art. 1º da Lei 8.009/90 “o imóvel residencial próprio do casal, ou da entidade familiar, é impenhorável e não responderá por qualquer tipo de dívida civil, comercial, fiscal, previdenciária ou […]

Leia mais +

contato

ONDE ESTAMOS

Rua México, 168, 13º andar , Centro, Rio de Janeiro - RJ, CEP 20031-143

advrj@fadelgiordano.com.br
Tel: +55 (21) 2262 4755

DEIXE SUA MENSAGEM